Características de uma ovelha

/
14 Comments
Há alguns anos atrás, morei numa cidade chamada Conceição do Coité, no interior daqui da Bahia e no caminho para a igreja, passava por um pasto cheio de ovelhas branquinhas. 

Sempre parava para vê-las e enchia a minha mão de capim na esperança de que alguma viesse comer, para eu passar a mão em sua cabeça e depois seguir o meu caminho. Acabei me apaixonando por elas e se pudesse, com certeza teria uma...


Resolvi fazer pesquisa sobre elas e encontrei um texto que fala sobre as características de uma ovelha.

Ao ler o texto, além de aprender mais sobre as ovelhas, também pude facilmente compreender por que somos considerados por Jesus como elas e por que precisamos tanto que Ele seja o nosso pastor (leia aqui).

Espero que você também compreenda e permita que Ele seja o teu pastor. O texto é longo mas vale a pena ler.


A ovelha é um animal bastante ingênuo. Ela não sabe discernir a erva boa para comer da erva venenosa, por isso o pastor tem que ir na frente preparar a pastagem com cuidado, retirando aquelas que podem envenená-la. 
loboA ovelha é um animal muito medroso e basta que ela não sinta o cheiro do pastor para que fique tremula de medo e no auge do medo pode sair correndo do aprisco e se torna presa fácil dos predadores. 
Quando a ovelha sente a chegada do lobo fica apavorada e não sabe como se defender, por isso é devorada facilmente pelo lobo. 
A ovelha é muito sensível a perturbação das moscas que ficam rodeando a sua cabeça o tempo todo e acaba ficando desnorteada. Balança a cabeça de um lado para o outro tentando fugir do assedio dos insetos, deixa de comer e acaba emagrecendo. Ela fica tão atormentada por não conseguir se livrar dos insetos que sai correndo sem direção e quando uma ovelha corre, a outra fica apavorada e vai atrás. 
É preciso que o pastor molhe a cabeça dela com óleo para afastar os mosquitos. 
Bruno Azevedo-animação e ilustração A ovelha come o dia inteiro e de noite está com o estômago muito cheio. 
O maior órgão que a ovelha possui é o estômago, que toma conta da maior parte da caixa torácica. 
Durante a noite elas gostam de brincar de dar cabeçadas umas nas outras e normalmente caem no chão com as patas para cima e depois não conseguem se levantar sozinhas pois a lã dificulta que ela se levante. 
Se a ovelha não for erguida dentro de uma hora, ela morrerá asfixiada, pois o estômago comprimirá e apertará o seu pulmão, por isso o pastor precisa durante a noite andar no meio das ovelhas, levantando as que estão caídas. 
Para corrigir e acudir a ovelha o pastor dispõe de dois instrumentos:  A VARA E O CAJADO. 
A vara é comprida e a ponta dela parece um ponto de interrogação, um gancho. Com a vara o pastor laça a ovelha pelo pescoço. Por ter muita lã elas acabam constantemente se enroscando em espinheiros. 
O CAJADO muitas vezes é usado para evitar que a ovelha vá aonde não lhe é permitido. 
Quando a ovelha vai desgarrando ou quando se mete na briga com outra velha, o pastor joga o cajado para assustar a ovelha, mas por vezes ele tem de acerta-la e com a bordoada a ovelha cai tonta pela pancada que recebeu. 
A ovelha é totalmente dependente do pastor, pois precisa dele para se alimentar, beber água e para defende-las de predadores e ladrões. 
Ela não sabe se defender. 
Se perceber o perigo fica toda tremula de medo, basta que ela sinta falta do pastor para que o medo tome conta dela. 
A ovelha conhece a voz do pastor. A ovelha é tola, porém, tem o ouvido apurado. Dentre mil cordeiros, ela conhece a chamada do filhotinho. E entre mil pastores estranhos reconhece logo a voz do seu pastor. 
Não se consegue conduzir as ovelhas como é feito com o gado que basta soltá-lo e ir gritando atrás conduzindo-o aonde ele tem que ir. A ovelha é diferente. Ela segue o pastor e de nada adianta ir gritando atrás da ovelha para ela seguir o caminho.  
É preciso que o pastor vá a frente e mostre o caminho que ela deve seguir.

Bem interessante esse texto, não é mesmo? Eu não sabia dessas particularidades das ovelhas e realmente, não haveria outro animal que Jesus pudesse usar para nos comparar.

Somos como as ovelhas. Completamente indefesos. Não sabemos para onde ir e nem o que fazer. Por muitas vezes somos ingênuos e não sabemos discernir o que é bom e o que é mau para nossa vida. Assim como as ovelhas, dependemos e precisamos ser guiados por um pastor e Jesus é esse pastor.

Quando a Bíblia diz que Ele deu a vida por nós (suas ovelhas), é porque se alguém não fizesse isto, estaríamos perdidos. Não haveria ninguém que pudesse nos defender do ataque do lobo e nos conduzir aos pastos verdejantes.

Quando nos "enroscássemos" nos espinheiros dessa vida, não haveria quem nos livrasse. Quando caíssemos no chão com nossas "patinhas para cima" e estivéssemos nos sufocando, não haveria ninguém para nos levantar. Ainda bem que Ele é o nosso Bom Pastor!

No momento em que ouvimos a sua voz e começamos a segui-la, Ele nos conduz pelo caminho que nos leva aos pastos verdejantes. Durante o trajeto, enquanto estivermos ouvindo e seguindo a Sua voz, Ele nos defende do ladrão, do ataque dos lobos, assim como nos corrige e nos dá até uma “bordoada” quando preciso, somente para o nosso bem, para que não nos afastemos do caminho.

Porém muitas ovelhas tem escutado a voz do Pastor, mas não a tem seguido...

Talvez você esteja lendo essa postagem e seja como uma dessas ovelhas que deixaram de seguir a voz do Pastor.

Sem Ele por perto, o que você acha que vai acontecer contigo?

Não esqueça que os lobos estão a espreita, só esperando que você se enrosque nos espinheiros ou caia no chão...

De repente você começou a ouvir outras vozes e se deixou seduzir por elas e por isso a cada dia está caminhando afastado do rebanho.

Falaram para você: “sai dessa igreja”,“você precisa curtir a vida”, “aqui é melhor”, “estão te enganando”, “você está perdendo seu tempo”... mas ao invés de ouvir a voz do Pastor que te diz: "Eu sou a porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens" e ir até o encontro Dele, cada vez mais você está se afastando e caminhando para longe do Aprisco.

Muitas ovelhas estão por aí perdidas. Estão afastadas, feridas e com medo. Se esse é  o seu caso, saiba que ainda há uma chance de voltar ao aprisco, pois o Bom Pastor está sempre de braços abertos, pronto para recebê-lo (a) ou conduzi-lo (a) de volta ao Seu Aprisco e curar suas feridas.

Outras ovelhas porém não tiveram essa oportunidade. No momento em que se afastaram, o lobo que estava a espreita observando, as devorou. Sem dó, nem piedade. Por isso, abra o olho! Ou melhor, abra os ouvidos, antes que seja tarde demais e o mesmo aconteça com você…Ouça a voz do Bom Pastor.

Eu sou a porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens.
O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância.
Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas. 
João 10:9-11


Curta minha página no Facebook
Siga-me no Twitter


Leia também

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger.